Fases da Psicoterapia nos Celíacos 

- Dificuldade de Diagnóstico

- Pré- Diagnóstico

- Diagnóstico

-Pós- Diagnóstico

- Alívio

- Negação do para sempre

- Raiva

- Isolamento

- Dificuldades Alimentares

- Custos

- Encontrando a Nutricionista certa

- Lidando com as opiniões

- Dor da Incompreensão

- Perda de Amigos

- Marmita que horror!!!

- Fazendo as pazes com a marmita

- E outras situações

Doença Celíaca se não tratada leva a Prostração e ...Morte

Por que Celíacos precisam de Acompanhamento Psicoterápico?

Celíacos sofrem muitas vezes por um tempo longo o período de uma adaptação dolorida, em si e em torno de si.

Famílias se espantam e não acreditam...

O próprio paciente vê sua vida sendo mudada radicalmente...

No dia a dia inicia-se uma peregrinação na busca de alimentos para ter segurança alimentar livre de traços de contaminação...

Nos finais de semana tem que reinventar um novo modelo de hobby, de atividade social que não lhe exponha somente na gastronomia, nada preparada com segurança necessária.  

Aprender a Conviver com a Doença Celíaca na Sociedade é a única forma de retomar a saúde e restabelecer o sistema imunológico, o que vai levar a muita discórdia  com os Familiares que não conhecem a D.C.

Informe-se sobre "Coach" on-line para Celíacos e Familiares um Tratamento em Família  via Skype estabelece uam boa interação e respeito.

Associada há 300 Doenças

e vários tipos de CA.

Torne seu mundo melhor, comece por Você!

Glúten é uma proteína composta pela mistura das proteínas gliadina e glutenina, que se encontram naturalmente na semente de muitos cereais, como trigo, cevada, centeio e aveia. 

Para algumas pessoas, a ingestão de glúten provoca danos na parede do intestino delgado, acarretando prejuízos para a saúde.

O Glúten faz com que você não seja o mesmo. Ocasiona mente enevoada, entre outras patologias.

O que há de melhor na vida de um celíaco é ele receber um diagnóstico sem demora.

Mesmo que não aceite e se  desagrade com ele por um lado, por outro se assim for consegue retomar a saúde e lutar para mantê-la,  e não mais desafiando o que não conhece, mas sim aprendendo a se tratar com respeito e se tornando multiplicador para os que ainda necessitam conhecê-la.