Resistência ao Glúten e ao Tratamento Psicoterápico 

Frequentam ambientes com parentes e amigos sem levarem seus lanches...

Acreditam que podem experimentar uma vez só...que uma vez de vez em quando não fará mal...

Acreditam que encontrarão alimentos seguros em todos os lugares...

Resistência ao Glúten e ao Tratamento Psicoterápico

Celíacos recém diagnosticados algumas vezes apresentam uma dificuldade de aceitação que o glúten que ingeriram a vida toda lhes façam mal agora.

Desejosos de saciarem a mente, e por acreditarem que não lhes faça mal, muitas vezes insistem em experimentar um pedacinho apenas. Ou se não o fazem ainda mesmo assim acabam por se questionarem se seu problema seria esse mesmo?

Desacreditados,  resistentes chegam a ser teimosos, não percebendo  que seu organismo não suporta mais a ingestão dessa proteína.

E para habitarem em seus corpos terão que respeitarem as regras.

Também resistentes  ao Acompanhamento Psicoterápico , porque não estão dispostos a trabalharem consigo mesmo, enfrentando a 

insistência.

A insistência  apenas acusa que há algo mais profundo a ser desenvolvido e trabalhado em análise ou Coach de Saúde.

Muitas vezes continuam com os mesmos hábitos. Apenas queixam-se que não melhoram por que esquecem do principal:

A vida pede passagem, enquanto eles querem ficar de frente com a morte!

É ambivalente um desejo de melhora e outro de permanência na doença.

Essa atitude também chamada de mecanismo de defesa patológica já nós diz o quanto esta pessoa está necessitando de tratamento por ser tão vulnerável nas questões que estão relacionadas a sua própria cura.

Se você é assim ou conhece alguém assim indique uma Psicoterapia ou um Coach de Saúde.

Maiores informações você vai encontrar nas paginas seguintes deste site.