Respeite seu Biorritmo

Não faça algo por que  ouviu dizer, observe se as orientações tem origem em uma mente acelerada.

O que faz bem para uma pessoa é inconveniente para outra.

Confie que ao conhecer seu biorritmo, desempenhará com aproveitamento sem igual. Procure ajuda e não fórmulas mágicas que não existem. 

Nada pode ser generalizado, tipo "pegue e faça", o Ser Humano é singular, tem necessidades peculiares, uma informação generalista  poderá induzir o paciente a  rompantes desnecessários, que podem alterar o estado mental emergindo para um estado psicótico.

Consulte sempre um psicólogo!

Vamos entender um pouco mais do seu biorritmo.

Biorritmo é uma ciência que nasceu há mais de 4000 anos, tendo como pai o imperador chinês Huang Tchi, também considerado o pai da acupuntura.

Biorritmo estuda nosso relógio biológico, nossos ritmos energéticos ou como é mais conhecido nossos ciclos biológicos

No ano 200 A.C Hipócrates e seus discípulos aplicaram o Biorritmo em seus pacientes, onde os resultados foram decisivos para a comprovação científica com sua eficácia.

Por volta de 1887 o psicólogo austríaco Herman Swoboda, o professor da Universidade de Innsbruck Alfred Teltscher e o Dr. Wilhelm Fliess, contribuíram para a consolidação definitiva do Biorritmo na Europa.

No mesmo período o pai da psicanálise, Sigmund Freud, também contribuiu com seus relatos na área emocional.

Em 1.930 muitos médicos, físicos, biólogos e pesquisadores, concluíram que o Biorritmo possui uma grande influência no estado biológico dos seres vivos.

Alguns estudos relatam que foi nessa época que “nasceu” o ciclo biológico intuitivo, ainda muito pouco conhecido aqui no Brasil embora muitos relatos de pesquisadores já tenham uma comprovação científica.

 

 O que é Biorritmo?

Biorritmo estuda nosso relógio biológico, nossos ritmos energéticos ou como é mais conhecido nossos ciclos biológicos, cuja análise individual nos mostra antecipadamente como está nossa energia nos ritmos físico, emocional, intelectual e agora o intuitivo, durante toda a nossa existência.

Esta análise aponta nossas fases (dias) favoráveis e desfavoráveis em cada ciclo (ritmo), através de curvas e também representadas analiticamente, através de uma pontuação que varia de -100 a +100 em forma de calendário, apontando cada dia a pontuação em cada ritmo.

Aponta também os nossos Dias Críticos, que são os dias em que essa pontuação se encontra em “zero”.

O Biorritmo não “prevê” nosso futuro e nem a ação externa em nosso dia a dia. A análise do Biorritmo calcula como estará nosso ritmo energético ou estado biológico de qualquer pessoa numa determinada data, seja passado presente, futuro ou até mesmo em fatos ocorridos no passado.

Esse trabalho não se restringe apenas numa análise biológica, mas em orientar a todos que se utilizarem dessa ciência como uma ferramenta poderosa administrando assim as fases positivas, negativas e críticas evitando os famosos dias em que “tudo dá errado” e tirando o melhor proveito em que todo o nosso processo biológico está nos favorecendo, seja em qualquer atividade em que estamos envolvidos.

Análise de Nossos Ciclos Biológicos ou Ritmos Energéticos

O ser humano é formado, dentre outros, por três ciclos biológicos básicos:

- Físico,

- Emocional

 -Intelectual.

É importante ressaltar que apesar de serem analisados aqui de forma isolada, eles interagem, pois fazem parte do ser humano e por isso devem ser analisados de forma conjunta. 

 

Ciclo Físico 

O Ciclo Físico se processa a cada 23 dias, controlando nossa energia vital. É gerado através de nossas células musculares e seus efeitos são sentidos na vitalidade física e disposição para realizar tarefas que necessitem de nossa força muscular. Em sua fase positiva nos proporciona uma sensação de bem estar, mais disposição física, e conseqüentemente ficamos mais resistentes a doenças e/ou viroses.

Esse ciclo não mostra como está nossa saúde, mas indica a fase em que ela se apresenta mais propensa à debilidades, cansaços e como vamos nos comportar diante de uma situação.

Portanto é fundamental na área médica, para marcar exames, cirurgias, um simples tratamento dentário ou a favorabilidade para um bom diagnóstico.

Na sua fase positiva, nosso organismo irá responder bem melhor a qualquer intervenção na área médica que seja necessário.

Para um atleta, nas fases positivas favorece um desempenho melhor em competições esportivas ou mesmo em um treinamento.

Nas academias, os exercícios podem ser “dosados” de acordo com o biorritmo de cada aluno.

Ciclo Emocional

 

O Ciclo Emocional se processa a cada 28 dias, e controla a nossa sensibilidade, sentimentos, emoções e o temperamento, sempre dependendo das situações em que nos encontramos.

É gerado através de nossas células nervosas e seus efeitos são sentidos na nossa estabilidade emocional, capacidade de aceitar situações com maior controle e motivação interior.

Em sua fase positiva seus efeitos são percebidos no maior controle de nossas emoções e na estabilidade dos relacionamentos com as pessoas em geral, favorecendo assim que sejam tratados nessa época todos os assuntos de cunho emocional, seja de ordem afetiva, familiar ou profissional.

Na sua fase positiva, o humor, a paciência, a sensualidade e os nossos sentimentos estão em alta.

Já na sua fase negativa estaremos com uma tendência a um temperamento depressivo, irritável e de intolerância.

Devemos lembrar que este ritmo é um dos mais importantes que possuímos, pois interfere diretamente aos ciclos físico e intelectual tornando-se coadjuvante e devendo ser analisados em conjunto.

Este ritmo enfim tem a capacidade de interferir de forma consciente todo o nosso metabolismo interno, processando no nosso intelecto e no nosso físico o que nossa emoção determina.

Médicos, físicos e cientistas já constataram que quando esse ciclo se equilibra transfere essa sensação para os outros ciclos permitindo um resultado positivo em qualquer outra área.

Ciclo Intelectual

 

O Ciclo Intelectual se processa a cada 33 dias e controla a nossa capacidade de raciocínio. Ele é gerado através de nossas células cerebrais correspondentes ao hemisfério esquerdo, e seus efeitos são sentidos em nossa capacidade de raciocínio, rapidez na compreensão e lógica. Porém ele não mede a nossa inteligência, apenas indica as fases favoráveis e desfavoráveis respeitando sempre o potencial de cada um.

É certo afirmar que apesar desse fator importante, podemos e devemos ampliar nossa capacidade intelectual, pois esse é um dos objetivos desse trabalho.

Em sua fase positiva registramos uma percepção mais aguçada somada a uma capacidade bem maior de concentração, memorização, expressão e entendimento, favorecendo a tomada de decisões importantes.

Em sua fase negativa, compromete nosso cérebro nos trazendo uma tendência a uma difícil concentração, baixa capacidade para julgar, analisar e tomar decisões, podendo ocasionar deslizes em nossa área profissional.

No Japão este ritmo é muito utilizado pelos executivos em grandes decisões de negócios. Para quase todas as atividades profissionais esse ciclo atua de forma direta. Nos estudos deve-se sempre concentrar a realização de nossas tarefas envolvendo lógica em nossas fases positivas.

No Japão, profissionais que trabalham em sistema de escala, principalmente à noite, tem suas escalas alteradas, assim como pilotos de avião que não levantam vôo nesse dia. Nas grandes empresas, quando um funcionário está em dia crítico ele é alertado para redobrar a atenção em suas tarefas. Em empresas de aviação, metrô, transporte coletivo em geral o funcionário não trabalha pois o risco de acidente é grande.

No Brasil, levantamento feito pelo Ministério dos Transportes, confirmou que 90% dos acidentes de trânsito ocorrem por falha humana, 4% mecânica e 6% por condições das estradas.

Não acelere seu biorritmo, respeite-se, na dúvida consulte um Psicoterapeuta, só ele pode ajudá-lo a saber oque se está acontecendo com você!

Avaliação Psicológica é essencial para ajudá-lo a se conhecer e saber exatamente onde e quais os passos que lhe auxiliará para executar e se possível está mudança.